• Professor Ton

Como fazer um Projeto Executivo Arquitetônico

Atualizado: Jun 8

O Projeto Executivo Arquitetônico é a etapa de projeto que irá prepará-lo para execução, ou seja, ao finaliza-lo significa que está pronto para entregar aos cuidados da obra. As estapas iniciais envolveram captação de informações e desenvolvimento de estudos, na sequência as etapas foram o Estudo Preliminar (EP), Anteprojeto (AP), Pré - Executivo (PE) ou Projeto Básico (PB). Posterior ao Projeto Executivo vem o As Built. Agora você deverá detalhar todo o projeto e estar atento para que não falte nenhuma informação.

Segundo a ASBEA que também esta de acordo com a NBR13.531/95

"Executar o detalhamento de todos os elementos do empreendimento, de modo a gerar um conjunto de informações suficientes para a perfeita caracterização da obra/serviços a serem executadas, bem como a avaliação dos custos ,métodos construtivos, e prazos e execução. Executar o detalhamento de todos os elementos do empreendimento e incorporar os detalhes necessários de produção dependendo do sistema construtivo. O resultado deve ser um conjunto de informações técnicas claras e objetivas sobre todos os elementos, sistemas e componentes do empreendimento. Essa fase se denomina: PE - projeto executivo."

No Manual de Escopo da ASBEA indica que para iniciar o projeto executivo arquitetônico é necessário:

-Ter a definição de todos os acabamentos;

-Memorial descritivo de vendas;

-Cópias de todos os projetos aprovados juntos aos orgãos técnicos e públicos;

-Folder de projetos do lançamento imobiliário;

-Fotos de maquetes.

-A definição do método construtivo, observando:

Sistema de revestimento dos pisos, vedações, coberturas e forros;

Sistemas de vedações gerais internos e externos;

Sistema de esquadrias.

Os Projetos de estrutura, fundação, elétrica, hidráulica, paisagismo, decoração, climatização, sistema de transporte vertical, horizontal, , segurança, luminotécnica, acústica entre outros deverão estar em produção para que haja a compatibilização com o arquitetônico.

Observando todos esse pontos os materiais gráficos a serem desenvolvidos serão:

IMPLANTAÇÃO COM COBERTURA

Observando e representando todos os detalhes paisagísticos, churrasqueira, canteiros, pergolados, piscina, espécies vegetais, etc

Não se esqueça da indicação do Norte, Cotas de níveis sempre que houver mudança de nível, cotas horizontais, indicação de caimento do telhado, tipo de telha utilizada.

PLANTA DE TODOS OS PAVIMENTOS COM TODAS AS DEFINIÇÕES DE AMBIENTES RESOLVIDAS

Conteúdo: não se esqueça da indicação do Norte, cota de nível osso e acabado, cotas horizontais, eixos estruturais, área de cada ambiente, indicação de sistemas estruturais diferenciados da vedação, indicação de esquadrias com tabela, indicação de números de degraus, sentido de subida e descida da escada, indicação de cortes, indicação de fachada, portas com sentido de abertura, sanitários, lavatórios, cubas e bancadas nome de todos os ambientes.

PLANTA DE REVESTIMENTOS

Conteúdo: Indicação do ponto de partida, nome dos ambientes, cota de nível osso e acabado, representação gráfica dos acabamentos, cotas horizontais se necessárias, tabela de acabamentos, símbolos para definição dos acabamentos.

CORTES LONGITUDINAIS, TRANSVERSAIS E SEÇÕES PARCIAIS

Quantos forem necessários para detalhar as alturas da edificação de preferência passando por escadas e evidenciando o tipo de laje utilizada.

Conteúdo: cotas verticais apenas, cotas de nível osso e acabado, estrutura da cobertura, sanitários, lavatórios, cubas e bancadas, distinção de elementos de estrutura e vedações secciondas, nome dos ambientes, projeção de aberturas de portas.

FACHADAS

Elevação de todas as faces da edificação

Conteúdo: indicação de divisas do terreno, indicação de elementos da cobertura e platibanda, indicação de acessos e marquises, representação gráfica de todos os elementos, tabela de acabamentos

DETALHAMENTO DE ÁREAS MOLHADAS

Conteúdo: planta com indicação dos elementos sanitários, vaso, lavatório ou bancada, chuveiro, registro de pressão, registro de gaveta, soleiras, bits, tabela de acabamentos, indicação do ponto de partida, elevações de todas as paredes, detalhes de bancadas e outros elementos construtivos.

DETALHAMENTO DE ESCADAS E RAMPAS

Detalhamento de todos elementos da escada feito com ampliação 1:5, 1:10,1:20 e 1:25.

Conteúdo: planta com dimensionamento das pisadas, indicação do número da pisada e do espelho, indicação de subida, corte, indicação de acabamentos, especificação do corrimão.

DETALHAMENTO DE ESQUADRIAS

Detalhamento de caixilhos feito com escala de ampliação 1:20 ou 1:25;

Conteúdo: tabela de acabamentos, planta, corte, cotas horizontais e verticais, material, sistema de abertura.

Esse é um resumo do que é necessário ter em um Projeto Executivo Arquitetônico, dependendo da edificação você precisará aumentar o nível de detalhes para que a execução do mesmo seja perfeita e que não falte nenhuma informação.

Você pode consultar o Manual de Escopo de Projetos e Serviços de Arquitetura e Urbanismo da ASBEA e a NBR 13.531/95 que trata de elaboração de projeto de edificações - atividades Técnicas para se aprofundar no assunto.

Fonte: ASBEA e ABNT.

#projeto #executivo #estudo #preliminar #anteprojeto #detalhamento #tons #da #Arquitetura #desenhar #planta #tom #cores #CAD

13,004 visualizações

@2015 tons da arquitetura | Arquitetura, Urbanismo & Design

São Paulo, Brazil  - tonsdaarquitetura@gmail.com - Telefone

As fotos e autores dos projetos são mencionados em cada conteúdo

Siga-nos

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • Pinterest - círculo cinza

Conteúdo desse site é produção intelectual e pode ser livremente divulgado citando a fonte

Todos os direitos reservados